IMG-20160104-WA0909

Na noite desta segunda-feira, 4, dezenas de consumidores se reuniram no auditório da Câmara Municipal de Araguatins, para discutir estratégias de como se defender e protestar contra o aumento abusivo da gasolina no município. Em menos de 1 ano, o produto sofreu o terceiro reajuste, saltando de R$ 3,25 para R$ 4,20 nos postos mais caros da cidade.

O último aumento aconteceu no dia 1ª de janeiro. Nossa equipe procurou gerentes e proprietários de postos de combustível para comentarem sobre o assunto, mas nenhum quis gravar entrevista. Informalmente eles justificam que a medida foi tomada em detrimento da elevação da alíquota de ICMS, que no Tocantins subiu de 25 para 27%.

IMG-20160104-WA0888

Nas bombas o que se pode perceber foi uma elevação ainda maior que os 2% do ICMS. Um posto de combustível de Araguatins, chegou a promover um reajuste de 9,72%.

O grupo de consumidores definiu na reunião e já iniciou a coleta de assinaturas para um abaixo-assinado com pedido de abertura de uma Ação Civil Pública, contra o aumento abusivo por parte dos postos, que elevaram de maneira injustificada e em demasia o preço da gasolina.

Também ficou definido que o grupo criará uma Organização Da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip), com atuação mais abrangente para agir em outras questões de interesse público e social. Uma Oscip é em suma, uma sociedade civil, sem fins lucrativos, de direito privado e interesse público ou que atuam em áreas associadas ao setor público.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.