Em novembro do ano passado, a Controladoria Geral da União (CGU) divulgou que o Tocantins estava ocupando a 13ª posição no ranking nacional dos estados na Escala Brasil Transparente (EBT). O Estado mantinha a mesma nota da avaliação anterior, 8,61 (em uma escala de zero a dez), divulgada em maio de 2015. Na época, a Controladoria Geral do Estado (CGE) recorreu do resultado e ontem a CGU divulgou novo ranking, no qual o Estado ocupa o primeiro lugar, com nota 10.

Junto com o Tocantins, também com nota 10, estão os estados da Bahia, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, São Paulo e Distrito Federal. O Tocantins, que no primeiro resultado havia perdido o posto de mais transparente da Região Norte o Pará, que tinha saído da 23ª posição para a nona, voltou a registrar a melhor posição.

A CGU busca verificar o cumprimento da Lei de Acesso à Informação, avaliando se a lei foi regulamentada pelo Executivo, existe instância recursal, há atendimento presencial e por meio de e-mail, ferramenta de acompanhamento do pedido, resposta dada dentro do prazo e em conformidade com a legislação.

A CGU avaliou no Tocantins, além do governo estadual, 45 prefeituras. (Jornal do Tocantins)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.