BBokKfG

A ex-senadora Marina Silva (Rede) afirmou que a presidente Dilma Rousseff levou o presidencialismo de coalizão “ao fundo do poço”. Em entrevista à Folha de São Paulo, Marina disse que a presidente “não tem liderança” e se utiliza de “movimentos erráticos” para tentar vencer a crise política e econômica que assola o país.

“É um presidencialismo de confusão e desmoralização”, disse Marina.

A ex-senadora, que foi adversária de Dilma na disputa pelo Palácio do Planalto em 2014, participou neste fim de semana em Brasília de uma reunião da cúpula de seu partido, a Rede Sustentabilidade, para discutir questões políticas e econômicas do país.

O partido vai emitir um documento com as posições do partido que, entre outras medidas, apoia a cassação da chapa de Dilma e do vice-presidente Michel Temer via Tribunal Superior Eleitoral.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.