destaque-355265-educacao-maraba

Os professores da rede pública de ensino, em Marabá, realizaram protesto pela educação do município. Segundo os manifestantes a Secretaria Municipal de Educação (SEMED) estaria criminalizando os trabalhadores e tirando os direitos e benefícios dos próprios, alegando que existe uma crise na educação do município.

A marcha teve concentração na Praça Duque de Caxias e passou por ruas da cidade. A manifestação fez parte de um calendário de mobilizações aprovado em assembleia pelo Sindicato dos trabalhadores da educação pública no Pará (Sintepp), contra a postura da prefeitura de Marabá.

Segundo o Coordenador do Sintepp, Wendel Bezerra, a educação não passa por uma crise. “Nós já identificamos que não existe crise nenhuma na educação do município de Marabá, o que na realidade está acontecendo é malversação dos recursos da educação por parte do secretário Pedro Sousa”, explica.

No dia 18 de janeiro, dia do retorno das aulas, uma nova marcha será realizada, com expectativa de 2 mil trabalhadores do sul e sudeste paraense envolvidos. A manifestação seguirá até em frente a prefeitura de Marabá. (Diário do Pará)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.