Policiais lotados no 3º Batalhão da Polícia Militar fecharam, nesse domingo (8), um ponto de venda de drogas no residencial Sebastião Régis, no Jardim Sumaré, em Imperatriz, e prenderam cinco pessoas por envolvimento com o tráfico de entorpecentes.

Os presos foram Igo Azevedo de Albuquerque Dias, 24 anos, Dayane Rodrigues Sena, 33 anos, Rogério de Jesus, 29 anos,e Daniela Rodrigues Sena, 24 anos, e foram apreendidas armas, munições, e até cédula de dólar. Contra Dayane havia um Mandado de Prisão expedido pela Justiça.

De acordo com a PM, a “Boca de Fumo” funcionada na Rua “C”, quadra 08, casa 49, do Sebastião Régis, residencial do programa Minha Casa Minha Vida, que teve as chaves das casas entregues pelo prefeito Sebastião Madeira e o ministro das Cidades, Bruno Araújo há 22 dias.

No local foram apreendidos uma espingarda calibre 20; um revólver calibre 38; uma balança de precisão; dois telefones celulares; uma munição para revólver calibre 38; uma munição para espingarda calibre 20; um Certificado de Registro e Licenciamento de veículos (C.RL.V) e duas notas de um dólar. A ação se deu
durante um patrulhamento de rotina de uma patrulha da PM que atende a área.

Qualificação dos suspeitos Segundo a PM, o grupo vai responder por porte ilegal de arma de fogo, posse
ilegal de arma de fogo (arma longa),tráfico de drogas e cumprimento de Mandado de Prisão em desfavor de Dayane Sena. Todos foram apresentados no Plantão Central da Delegacia Regional de Imperatriz.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.