No que tange à pavimentação, drenagem e calçadas, feitas em consequências da urbanização da Grota Criminosa no trecho entre as Folhas 23 e 26, as obras estão na reta final. O trabalho ainda se estenderá até o fim de 2018, mas devido à construção de duas elevatórias de esgoto, uma delas em estágio bem adiantado e a outra, no momento, com obras paralisadas por causa do período de chuvas.

De acordo com o engenheiro civil Jaime Pessoa, da Artec, empresa responsável pelas obras da Grota Criminosa, a primeira fase do serviço está praticamente pronta. Trata-se da canalização da grota, duas pistas laterais, drenagem, calçadas e, agora, conclusão do plantio de grama, que servirá de proteção dos taludes, em toda a extensão da canalização.

Na Folha 23, os serviços de pavimentação, meios fios e calçadas foram concluídos. Na Folha 26, também foi concluído o asfaltamento de algumas ruas, foi feita a recomposição do pavimento de outras onde já existia asfalto e feito calçamento com acessibilidade em todas elas. No total, são mais de 4.400 metros de ruas pavimentadas.

Uma segunda fase, já bem adiantada, diz respeito à construção de duas estações elevatórias de esgoto. Uma delas na Folha 26 e a outra próximo ao Rio Itacaiúnas, que está com a obra paralisada em consequência das chuvas, devendo retornar o trabalho de interligação no mês de maio.

“Essas elevatórias têm capacidade para captar todo o esgoto da Nova Marabá e bombeá-lo para a estação de tratamento, localizada no bairro do Amapá. Mas inicialmente receberá apenas o esgoto das folhas 23 e 26”.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.