pastor_presoUm homem de 41 anos foi preso pela Polícia Civil suspeito de abusar sexualmente da filha adotiva de 13 anos. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública, o homem é pastor de uma igreja evangélica localizada no povoado de Bom Jesus das Palmas, na zona rural de Paranã, sul do Tocantins.

O suspeito foi preso nesta segunda-feira (22) em cumprimento a um mandado de prisão preventiva. As informações foram divulgadas nesta terça (23).

A criança era criada por ele, junto com a esposa, desde os dois anos de idade. A vítima contou à polícia que desde os seis anos sofria constantes abusos cometidos pelo pai adotivo. A denúncia foi feita pelo Disque Direitos Humanos, disque 100, e foi repassada à Polícia Civil.

Conforme SSP, foi instaurada investigação para apurar o crime de estupro de vulnerável e, após alguns dias de investigações, o pedido de prisão foi encaminhado para o judiciário. O pastor foi levado para a Cadeia Pública de Palmeirópolis, onde se estará à disposição da Justiça.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.