Desde o último domingo, 11, a Defesa Civil, em parceria com o Exército, está realizando o trabalho de remoção das famílias atingidas pela enchente em Marabá. São 18 caminhões em plena atividade, sendo 8 do Exército e 10 alugados pela Prefeitura. Uma equipe formada com cerca de 120 pessoas entre civis, militares e voluntários.

As famílias desalojadas, estão sendo realocadas para os abrigos provisórios disponibilizadas pela Prefeitura, com capacidade para atender mais de 200 famílias. Os abrigos estão sendo organizados na Feirinha, entrada da Velha Marabá, na Acrob (antigo Rio Importados), localizado na Avenida Getúlio Vargas e no Ginásio em frente à Obra Kolping, na Cidade Nova. Caso haja mais desalojados, a SEVOP acionará o quarto abrigo, na folha 16.

Na manhã desta terça-feira, 13, a família de Dona Maria dos Milagres de 60 anos, foi removida da Folha 33 e alojada no Ginásio da Obra Kolping. “Hoje fui atrás da Defesa Civil. Ainda bem que eles me atenderam e me colocaram pra cá [Sic], graças a Deus”, relata a moradora.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Jairo Milhomen, o primeiro procedimento a ser feito pelos moradores deve ser procurar a Defesa Civil, através do telefone ou na sede na Marabá Pioneira, para realizar o cadastro.

Os pontos atingidos pelas águas até o momento são: Santa Rosa, Vila Canaã, Rua Bartolomeu Centro, São Miguel da Conquista, Filadélfia, Bairro da Paz, Novo Planalto, Liberdade, Independência, Carajás, Amapá, Folha 33, Km-08 e Km-09.A grande maioria  das residências estão as margens do rio.

ale destacar que o nível dos Rios Tocantins e Itacaiúnas aumentaram subitamente 4 metros em 3 dias. Nesta terça-feira, 13, o nível do Rio Tocantins atingiu a marca de 10,68. Nesta quarta-feira, 14, haverá um sobrevoo no helicóptero da PM para verificar novos pontos de alagamento.

Esclarecimento 

A defesa civil acrescenta que nesta até quinta-feira, equipes da Sevop estarão concluindo a montagem de toda a estrutura dos outros abrigos como cobertura e parte elétrica.

Na “feirinha” da Velha Marabá 20 famílias já estão abrigadas em barracas da defesa civil, já com sistema de água e escoamento de detritos prontos. A Ação, coordenada pela Defesa Civil, envolve Bombeiros, PM, Exército e Secretaria de Saúde, que está com equipes de médicos e equipe de endemias utilizando fumacê e fazendo vacinação de pessoas e animais (Raiva ). A prefeitura informa que a Defesa Civil está de plantão e atualizando de hora em hora os dados da enchente e em caso de alagamento pede a população para ligar para 3321 8990.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.