A Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (FAET) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Tocantins (SENAR/TO) já iniciaram o processo seletivo para os profissionais interessados em participar da edição do programa CNA Jovem 2016 – Jovens Liderando o Agro, que terá uma etapa estadual antes da fase nacional. O programa, criado pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil e pelo SENAR, tem a intenção de formar novos líderes para o campo, atrair jovens com potencial de liderança e constituir o primeiro nível de seleção para a etapa nacional do CNA Jovem.

O SENAR de cada Estado deverá selecionar até 20 jovens para participar da iniciativa, e os três vencedores estaduais serão classificados automaticamente para integrar o CNA Jovem Nacional, que acontecerá a partir de julho, em Brasília. As inscrições poderão ser feitas até o dia 31 de março do pelo e-mail: daniel.bueno@senar-to.org.br Informações podem ser obtidas pelo telefone: (63) 3219-9225.

A intenção da fase estadual vai constituir o primeiro nível de seleção para a etapa nacional do CNA Jovem. Os critérios para participação são: idade entre 22 e 30 anos, ensino superior completo em qualquer área, afinidade e interesse pelo setor rural e características potenciais de liderança (iniciativa, fluência na comunicação, persuasão, capacidade de negociação e criatividade). Serão realizados três encontros presenciais com dois dias de duração ainda sem datas definidas. Ao final, os participantes deverão apresentar um plano de ação que envolva aspectos de liderança, voltado para um desafio da agropecuária no seu Estado.

O conteúdo será desenvolvido de forma padronizada pelo SENAR Brasil, mas conduzido pelas Regionais com participação das Federações da Agricultura e Pecuária dos Estados. Os trabalhos serão coordenados por instrutores locais, certificados pelo SENAR Brasil.

Sucesso na primeira edição

A primeira edição do CNA Jovem, realizada entre outubro de 2014 e março de 2015, teve como foco preparar jovens do meio rural de todo o País, com idade entre 22 e 35 anos, para impulsionar ainda mais o setor empresarial rural. O processo de formação teve 258 horas/aula e uma metodologia inovadora, que permitiu o desenvolvimento pessoal e profissional dos jovens selecionados como líderes. Cinco jovens do Tocantins participaram desta edição.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.