Dalvan Pereira de Sousa

Após algumas semanas de investigações, policiais civis de Xambioá, coordenados pelo delegado Wilson Oliveira Cabral, prenderam na tarde da última quinta-feira, 3, Dalvan Pereira de Souza, de 21 anos, suspeito pela prática de vários crimes, naquele município. Ele foi preso pela mediante o cumprimento de um mandado de prisão preventiva, quando tentava fugir da cidade.

Dalvan está sendo investigado e foi indiciado pela Polícia Civil pelos crimes de tentativa de homicídio, porte ilegal de arma de fogo, disparo de arma de fogo em via pública, lesão corporal, receptação, homicídio e tráfico de droga, além de responder a vários processos, na comarca de Xambioá.

Conforme o delegado Wilson Cabral, a ação que resultou na prisão do indivíduo, teve início às 10 horas da manhã, quando equipes da polícia civil, com apoio de policiais militares, obtiveram a informação de que o suspeito estaria no prédio da defensoria pública de Xambioá. Rapidamente, os agentes foram até o local na tentativa de capturá-lo, todavia, Dalvan Pereira conseguiu fugir, pulando o muro dos fundos da defensoria. Na fuga, ele abandonou uma motocicleta Honda, FAN, de cor preta.

No entanto, por volta das 13hs, os policiais civis conseguiram capturar Dalvan às margens de uma rodovia estadual, quando o mesmo tentava pegar carona a fim de fugir da cidade. Após os procedimentos cabíveis, ele foi recolhido à carceragem da Cadeia Pública de Xambioá, onde permanecerá à disposição do poder judiciário.

Ainda de acordo com o delegado, a mãe e a tia do suspeito, as quais prestam serviços na Defensoria Pública de Xambioá, serão investigadas pela prática do crime de favorecimento pessoal, uma vez que há fortes indícios de que as duas mulheres tenham ajudado Dalvan a fugir no momento em que os policiais civis chegaram até o órgão para prendê-lo. (Rogério de Oliveira)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.