1 (6)

A abertura das instruções de manuseio de armamento para a 1ª turma de policiais militares da Unidade tiveram início na tarde do dia 15, quarta-feira, no auditório do quartel onde estão acontecendo as aulas teóricas. O capitão PM Valdeonne Dias da Silva, comandante da 4ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), deu início a abertura.

Na manhã de ontem, quarta-feira, 29, foi a vez da 2ª turma e hoje, quinta-feira, 30, a terceira turma de policiais formados por militares da sede da Unidade e de alguns destacamentos pertencentes ao 2º pelotão operacional da Polícia Militar em Augustinópolis (TO). Após as instruções teóricas os participantes se deslocaram ao estande de tiro para a realização das atividades práticas. Até agora, 40 policiais militares incluindo as três turmas participaram das atividades.

De acordo com a metodologia do comando a instrução tem como objetivo a padronização quanto aos procedimentos de manejo, tiro e condução da Submetralhadora Taurus .40 aos policiais militares da 4ª CIPM, bem como, a realização de manutenção de 1º escalão culminando pela assimilação dos conhecimentos por parte dos participantes da instrução quanto a utilização racional e eficaz do armamento.

Dentre outras, a instrução objetiva também, de acordo com o capitão Valdeonne, modelar o emprego do armamento nas atividades operacionais, usando técnicas necessárias e atendendo aos princípios dos Direitos Humanos, culminando com a segurança tanto da equipe de serviço quanto dos populares.

A primeira turma teve como instrutor o capitão PM Valdeonne e o cabo PM Valdeilton da Silva Nascimento, o qual estará até o encerramento do curso como instrutor. Já a segunda e terceira turma, o 1º tenente PM Rondinele Martins Feitoza, os 2º tenentes PM Dourivan Santos Pereira, Calistenes Marcelo Reis de Abreu, Cristóvão Pereira da Silva e demais auxiliares. Novos instrutores frente as demais turmas que participarão, serão selecionados no decorrer do curso a fim de alcançar o quantitativo de mais de 100 policiais militares aptos a utilizarem o referido armamento.

O desempenho dos participantes está sendo avaliado por meio dos próprios instrutores e ao final homologada pelo Comandante da 4ª CIPM, devendo o policial militar ao final do treinamento receber qualificação apto ou inapto e certificado de participação de acordo com o resultado. A coordenação do curso está na responsabilidade do capitão PM Márcio Cardoso Almeida, chefe da Seção Técnica de Ensino, Instrução e Pesquisa da Companhia.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.