IMG-20160407-WA0771

Os dois suspeitos da morte do policial militar sargento Paulo Pereira da Silva, 38 anos, e de ferir o sargento Josafá Ferreira foram retirados da cadeia de Colmeia, na noite desta quinta-feira, 7, por homens encapuzados e executados. A Polícia Militar de Guaraí se dirigiu para Colmeia para auxiliar na ocorrência e não possuía mais detalhes sobre o caso até o momento.

Os sargentos foram feridos na madrugada de domingo. Silva foi atingido na cabeça e morreu, Araújo foi encaminhado para o hospital.

Conforme noticiado, acontecia um evento na cidade, e em frente ao local da festa tem uma praça, onde ficam usuários de drogas. Houve uma briga na praça e os policiais foram chamados. Houve luta corporal entre o suspeito e os militares, onde a arma de fogo de Silva caiu no chão, momento em que o suspeito pegou e atirou na cabeça do policial, que morreu no local.

Araújo teria tentado sacar a arma, mas foi impedido pelos outros homens. Ele foi desarmado e atingido por disparos, um dos tiros ficou alojado no colete à prova de balas do policial. Dois suspeitos do crime foram presos e um menor que estava com a arma do crime foi apreendido. (Jornal do Tocantins)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.