luana ribeiro

Os projetos de lei que instituem o Estatuto do Parto Humanizado e o Junho Vermelho, de autoria da deputada estadual e vice-presidente da Assembleia Legislativa, Luana Ribeiro (PDT), foram aprovados nas comissões nesta terça-feira, 26. Das comissões, os projetos seguem para aprovação em plenário. “É mais um avanço em relação a buscar a melhoria nas condições de saúde dos tocantinenses, em especial das mulheres”, disse Luana.

O objetivo da inclusão do Estatuto do Parto Humanizado no Tocantins é assegurar uma melhor assistência às mulheres em seu período de gravidez e parto nas instituições públicas e privadas de saúde do Tocantins. Pelo projeto, entre os direitos da mulher assegurados pelo Estatuto estão: ter a privacidade respeitada e ser tratada com dignidade; ser ouvida, ter suas dúvidas esclarecidas e receber todas as informações e explicações que desejar; e dispor de um acompanhante de sua escolha, em especial as que optam pelo parto normal.

Junho Vermelho

O projeto de lei que propõe o movimento Junho Vermelho, institui o mês dedicado à realização de campanhas de incentivo a doação de sangue. O projeto foca na conscientização da população e estimula o aumento de doadores. “Vimos que os movimentos do ‘Outubro Rosa’ e ‘Novembro Azul’, que tratam respectivamente dos temas de câncer de mama e de próstata são sucesso de mobilização. Então, este projeto quer causar o mesmo efeito”, completou a parlamentar. (Glês Nascimento)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.