274426_1000

A Eslováquia, país que assumirá a presidência da União Europeia no próximo mês de julho, propôs uma parceria ao Governo do Tocantins para que o Estado receba o Encontro de Embaixadores da União Europeia no Brasil. O evento será realizado no mês de outubro, em Palmas, e poderá reunir delegações dos 24 países da União Europeia que possuem representação no Brasil.

O acordo foi firmado nesta sexta-feira, 1º de abril, durante uma reunião na Embaixada da Eslováquia, em Brasília (DF), da qual participaram o embaixador do país, Milan Cigán; o chefe do Escritório de Representação do Estado, Renato de Assunção; e o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Turismo e Cultura do Tocantins, Alexandro de Castro. A proposta do evento é envolver entidades públicas, privadas, universidades e comunidade em um encontro para apresentar oportunidades de parcerias comerciais, científicas e culturais entre o Tocantins e os países da União Europeia.

O embaixador afirmou que o Tocantins tem uma história semelhante à do país europeu, que se desmembrou da Checoslováquia para se tornar independente no início dos anos 90, e isso influenciou na escolha do Estado para sediar o evento. “O Tocantins e a Eslováquia têm características históricas semelhantes e nós queremos mostrar o que o Estado construiu nos últimos vinte anos. Durante o nosso tempo na presidência da União Europeia, queremos apresentar o Tocantins, aos embaixadores, como o novo estado para o desenvolvimento das nossas relações com o Brasil”, afirmou Milan Cigán.

“Esse evento marca um dos objetivos do governador Marcelo Miranda que é tornar os sonhos do Tocantins uma realidade. Em um momento que falamos tanto de industrialização, nada mais significativo do que ter em terras tocantinenses o peso da comunidade europeia para estabelecermos relações comerciais duradouras e que gerem investimentos para o Estado”, afirmou o secretário Alexandro de Castro.

Embaixada de Belarus

Os gestores do Tocantins também visitaram a Embaixada de Belarus (anteriormente conhecido como Bielo Rússia), país europeu que detém 7,8% do mercado mundial de tratores e ocupa o 3º lugar na exportação de fertilizantes. O embaixador Leonid Krupets falou do interesse em instalar indústrias de produção fora do país e agendou uma visita ao Tocantins no mês de maio, para conhecer, na Feira de Tecnologia Agropecuária do Tocantins (Agrotins), todo o potencial do Estado na área do agronegócio.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.