11214383_623147737837304_5260837942353672878_n

Apresentando erros característicos de início de temporada, especialmente nas finalizações, o clássico entre Tocantinópolis e Interporto, ocorrido na noite desta sábado, 9, no Estádio Ribeirão, em Tocantinópolis, na estréia das duas equipes no campeonato estadual de 2016, foi um 0x0.

A partida entre TEC e Interporto em sua etapa inicial teve em seus primeiros 15 minutos, o domínio  do time portuense, com volume de jogo maior e demonstrando mais disposição em campo.

Somente a partir dos 20 minutos o Tocantinópolis Esporte Clube cresceu na partida, passando a ficar maior tempo com a posse da bola, começando a sufocar o Interporto, a ponto de que aos 23 minutos, depois de uma jogada violenta, Ismael do Interporto foi expulso.

O TEC passou a pressionar o Interporto a ponto ficar grande parte da etapa inicial, pra não dizer a maior, do meio do campo para frente. As oportunidades surgiram, mas as  finalizações eram uma encima da outra, bem característica de início de temporada, onde falta o entrosamento necessário.

E as várias oportundiades surgidas em favor do time tocantinopolino, ocorreram em jogadas pela linha de fundo, onde por duas vezes, as bolas cruzadas passavam dentro da pequena área do time de Porto Nacional, os jogadores do TEC não conseguiam alcançar a bola e, quando tinham oportunidade, erravam.

A maior parte do tempo o Interporto ficou recuado, e nas oportunidades que teve, o time portuense comandado por Carlos Magno, pelos mesmo erros cometidos pelo TEC, não finalizava bem.

O placar não poderia ser outro, aliás, o empate entre as duas equipes está ficando bastante comum. (Portal Moura Net)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.