A Prefeitura de Araguaína iniciará, a partir desta terça-feira, 17, o processo de transição da Organização Social (OS) responsável pela gestão do Hospital Municipal de Araguaína (HMA), Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Ambulatório Municipal. O Instituto Brasileiro de Gestão Hospitalar (IBGH) solicitou rescisão do contrato e será substituído pelo Instituto Saúde e Cidadania (ISAC). Na próxima segunda-feira, 23, o ISAC assumirá a gestão das unidades.

“Não houve mais interesse do IBGH e o Município providenciou a contratação emergencial de outra organização social para dar continuidade aos trabalhos. Não haverá perda de direitos dos trabalhadores, prejuízos a fornecedores, descontinuidade dos serviços à comunidade ou despesas extras para o Município”, garantiu o secretário municipal da Saúde, Jean Luís Coutinho.

Atualmente, 300 profissionais compõem o quadro de colaboradores das três unidades. Todos os servidores terão seus contratos assumidos e suas garantias trabalhistas respeitadas.

O secretário garantiu ainda que a substituição da gestora não ocasionará alterações no cronograma para a abertura da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica do Hospital Municipal Dr. Eduardo Medrado.

O ISAC

O Instituto Saúde e Cidadania é uma Organização Social sem fins lucrativos, fundada sob forma de associação civil em 2011, com sede em Brasília. Foi formado a partir da união de profissionais das áreas técnica e administrativa em saúde.

Tem foco na administração de unidades hospitalares e pronto atendimento, trabalhando com o objetivo de otimizar a gestão e melhorar/humanizar a assistência nas instituições parceiras. (Mara Santos/Foto: Marcos Filho Sandes)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.