Profissionais e gestores que compõem as equipes dos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF), dos municípios de Angico, Maurilândia do Tocantins, Nazaré, São Miguel, São Sebastião, estão participando da I Oficina Estadual para NASF, que acontece até dia 8 de maio na Universidade Federal do Tocantins (UFT). O objetivo do evento é discutir o fortalecimento do processo de trabalho dos profissionais que atuam nos núcleos.

Os municípios foram selecionados conforme critérios dos Indicadores da Atenção Básica acima ou abaixo dos parâmetros nacionais estabelecidos, segundo a tendência do indicador, existência de núcleos – modalidade III, além do indicador de internações por condições sensíveis à Atenção Básica acima do parâmetro nacional estabelecido, de 28,6%.

A técnica da Estratégia da Família e Saúde Bucal, Genine da Silva Barros, destacou que os municípios participam da oficina para debater as dificuldades e trocar informações sobre a realidade de cada cidade. “É um momento para discutir as atribuições dos Núcleos de Apoio à Saúde da Família, além de conhecer as necessidades profissionais, buscando melhorar a interação da equipe de Saúde da Família, com os núcleos e Centro de Atenção Psicossocial (Caps)”, afirma.

A oficina terá carga horária de 20 horas e será formada por duas turmas, a primeira participa até esta quarta, 6. E a segunda turma segue até dia 8 de maio no período vespertino.

A I Oficina Estadual para os núcleos é realizada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), por meio da Diretoria de Atenção Primária, em parceria com o Programa Mais Médicos e UFT. A plenária acontece no auditório do bloco III, e as oficinas temáticas no bloco E.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.