O suspeito Ezequiel Farias Nou, preso na manhã desta terça-feira (19), na operação “El Berite”, que investiga crimes de agiotagem em Bacabal, no Maranhão, já responde pelo crime de pedofilia, segundo o delegado-geral de Polícia Civil Augusto Barros.

De acordo com Barros, o crime teria ocorrido em agosto de 2010, em Bacabal. “De todos os envolvidos na investigação, o Ezequiel é o único que responde por um crime. No caso dele, foi o crime de pedofilia”, explica.

Na época do crime, Ezequiel foi flagrado dentro de um veículo na companhia de uma adolescente de 15 anos. No interior do carro, foi encontrada também uma fotografia de outra adolescente de 16 anos.

Além de Ezequiel Farias Nou, também foi preso, nesta manhã, o ex-prefeito do município da cidade,Raimundo Lisboa, além de Manoel Moura Macedo, Francisco de Jesus Silva Soares, Aldo Araújo Brito, ex-presidente da comissão de licitação de Bacabal, e Maria do Carmo Xavier.

Operação ‘El Berite

Também foram presos nesta manhã o ex-prefeito de Bacabal Raimundo Lisboa, que foi gestor municipal entre 2004 e 2012. Também foram detidos Manoel Moura Macedo, Francisco de Jesus Silva Soares, Ezequiel Farias e Aldo Araújo Brito, ex-presidente da comissão de licitação de Bacabal. Foi realizada também a prisão coercitiva de Maria do Carmo Xavier.

Os suspeitos foram levados para a sede da Seic. Uma entrevista coletiva para esclarecer os detalhes da operação será realizada na tarde desta terça-feira, na sede da Secretaria de Estado de Segurança Pública, na capital.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.