20150514_102218

Nesta quinta-feira, 14, a Policia Militar de Tocantinópolis recebeu materiais doados pela Justiça Criminal para ser usado pelo Programa Educacional de Resistência as Drogas e a Violência (PROERD).

Após visitas do juiz, Arióstenis Guimarães Vieira, a sede da 5ª CIPM, no início do ano, e ao conhecer o PROERD, o magistrado se comprometeu a destinar alguns recursos da Justiça Criminal para aquisição de equipamentos novos que pudessem contribuir com o referido programa. Assim, foi feitas a documentação necessária e após ser aprovada pelo Ministério Público, foi dado início do processo que culminou com a compra de dois notebook, uma impressora e uma central de ar, além de outros materiais a serem utilizados em sala de aula pelos instrutores.

Todo o material foi entregue ao Comandante da 5ª CIPM, capitão Fioravan Teixeira Silveira e repassado ao PROERD. Os computadores portáteis eram um anseio dos instrutores, antes por não dispor desses equipamentos, os instrutores usavam seu próprio material nas salas de aulas ou então o material era cedido pelas escolas, fato que muitas vezes traziam prejuízos as aulas, pois nem sempre os instrutores dispunham dos mesmos para aplicação nas aulas.

O PROERD da 5ª CIPM atualmente atende os municípios de Tocantinópolis, Aguiarnópolis e Palmeiras do Tocantins, com três instrutores, atendendo atualmente 2.330 alunos, em 38 escolas, o qual Policiais Militares fardados ministram aulas para alunos no ensino fundamental e infantil, direcionado aos mais diversos temas, como drogas, violência, valores cívicos, estrutura familiar, pressão de grupo entre outros relacionados à conscientização em resistir ao convite para consumo de drogas licitas ou ilícitas. (ASCOM 5ª CIPM)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.