284654_1000

Um protocolo de intenções assinado pelo Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins, a Bonasa Alimentos e a Prefeitura de Aguiarnópolis, pretende fomentar e viabilizar a produção de frutas e hortaliças nos assentamentos, localizados no município, com o objetivo de atender as demandas do restaurante da Bonasa, além de outros mercados de interesse dos produtores.

O documento foi assinado, na quinta-feira,19, durante a solenidade de abertura da 9ª Feira de Alimentação e Agricultura Familiar de Palmeiras do Tocantins, a 477 km de Palmas.

Para o presidente do Ruraltins, o acordo vai potencializar o que já está sendo produzido pelos agricultores, no dia a dia, bem como inserir novas tecnologias de plantio adaptáveis a realidade local. “Vamos a partir de agora elaborar um plano de trabalho focado no potencial de cada agricultor, para atender não só o consumo da empresa, mas também o mercado regional que cresce a cada dia”, afirmou o presidente.

O Superintendente da Bonasa, Ideraldo Luiz Lima, avalia como positiva essa parceira, pois vem ao encontro do papel social da empresa que visa, entre outros fatores, a promoção do ser humano. “Esse trabalho cria uma oportunidade de desenvolvimento para a região, fazendo com que o produtor enxergue mais longe e se torne autossustentável”, frisou o superintendente, acrescentando que na região existem três assentamentos com 225 famílias em atividade.

O prefeito de Aguiarnópolis, Ivan Paes, acredita que a ação vai fortalecer o segmento, pois o produtor terá como escoar a produção. “Sabemos das dificuldades que o agricultor enfrenta no momento de vender fora dos assentamentos. Esse projeto vem mudar essa situação, já que terá um mercado seguro para comercialização”, disse.

Bonasa

Com 51 anos de experiência no agronegócio, a Bonasa, está presente em oitos estados brasileiros e no Distrito Federal. No Tocantins, a empresa está localizada na zona rural do município de Aguiarnópolis, no Assentamento Chupé, onde atualmente, 1.179 colaboradores trabalham. No restaurante da Bonasa são servidas mais de 21 mil refeições por mês, consumindo em média 2.600 kg de hortaliças e verduras/mês.

Antes da assinatura do protocolo, o presidente do Ruraltins e um grupo de servidores conheceram as instalações da Bonasa Alimentos, em Aguiarnópolis.

No próximo dia 30, os extensionistas do Ruraltins vão a campo para realizar um diagnóstico junto aos produtores da região. Uma nova reunião está marcada para o dia 9 de junho, quando será feita uma avaliação desse levantamento.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.