A Unitins, com apoio do Governo do Tocantins, realiza neste final de semana, dias 14 e 15 de maio, os Jogos Internos da Unitins (Jiuni). A etapa do primeiro semestre de 2016 acontece de forma regionalizada em cada um dos quatro câmpus da Universidade no Tocantins. No segundo semestre deste ano, os campeões dos Câmpus se enfrentarão em busca da vitória estadual.

São esperados aproximadamente 600 alunos-atletas e servidores dos quatro câmpus da Unitins: Araguatins e Augustinópolis, do Bico do Papagaio, Câmpus Dianópolis, região sudeste e Câmpus Palmas, região central, para a disputa em quatro modalidades esportivas: vôlei, futsal, handebol e xadrez.

Modalidades e locais dos jogos

Na região do Bico do Papagaio, Câmpus Araguatins, os acadêmicos disputam nas modalidades futsal e vôlei (masculino e feminino). Os jogos acontecem no Ginásio Poliesportivo de Araguatins.

No Câmpus Augustinópolis, as modalidades disputadas são xadrez, handebol, futsal e vôlei (masculino e feminino) e acontecem no Ginásio Municipal de Augustinópolis.

No Câmpus da região Sudeste, em Dianópolis, os alunos jogam futsal e vôlei (masculino e feminino), no Colégio João D`Abreu.

E no Câmpus Palmas, as modalidades disputadas são futsal e vôlei (masculino e feminino), no Ginásio Ayrton Senna, em Taquaralto.

Mais

O Jiuni é um evento institucional que visa fomentar a prática de esporte e a integração entre os acadêmicos, além de possibilitar a identificação de talentos desportivos na Unitins.

Para o coordenador de Assuntos Estudantis, Eliardo Rodrigues, “o espírito que nós desejamos para a Universidade, de integração, é construído de diversas formas e essa integração por meio do esporte é uma maneira bastante efetiva disso acontecer”.

O coordenador do departamento ligado a Pró-Reitoria de Extensão, responsável pelos Jogos, afirmou que os eventos anteriores foram realizados com sucesso e a expectativa para este ano são as melhores.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.