283362_1000

Consultores do Movimento Brasil Competitivo, do Grupo Gerdau, realizaram uma apresentação sobre modelo de governança aplicada ao serviço público para diretores dos 19 hospitais do Estado nesta quarta-feira, 11, no auditório da Secretaria de Estado da Saúde, em Palmas. Representantes dos Hospitais Regionais de Augustinópolis e Xambioá estiveram no encontro.

Cláudio Gastal, presidente executivo do Movimento Brasil Competitivo (MBC), esteve presente à reunião e ressaltou satisfação com a parceria firmada com o Tocantins. “Estamos muito satisfeitos com essa parceria. Sou um cara de gestão, comecei na área de saúde e digo que o que ganha jogo não é o planejamento, é ter capacidade de execução, é ter a disciplina para fazer a execução. Claro que o planejamento é um grande passo porque o planejamento perfeito faz a execução fácil, desde que você tenha disciplina para fazer essa execução”, ressaltou Luís Cláudio Gastal.

Em seguida, Luis Fernando Rolim, especialista em Gestão do Movimento Brasil Competitivo (MBC), apresentou proposta para discussão de monitoramento de resultados e aplicação da governança à gestão hospitalar. “A governança é o sistema que vai nos direcionar, dar a diretriz e nos permitir monitorar e alcançar os resultados. Isso gera estratégias e ciclos de gestão. A gente planeja, executa, controla, vê o que pode estar errado, planeja de novo e executa de novo. Isso acontece em ciclos e isso gera um processo de melhoria contínua”, completou.

Na ocasião, o secretário de Estado da Saúde, Marcos Musafir, esclareceu que a proposta de inclusão da governança como método de aprimoramento de resultados na gestão hospitalar está prevista no Plano de Ação da Saúde requerido por demanda judicial e que tem como objetivo crucial sanar problemas de abastecimento de hospitais e falhas na assistência à população.

“O MBC não é um prestador de serviço, o MBC tem causa que é em prol da administração pública brasileira. Para nós é muito importante que se tenha casos de sucesso, como já tivemos em vários estados que tem iniciativas que são exemplos, porque é isso que vai mudar a realidade do setor público”, completou Cláudio Gastal. (Com informações de Juliana Matos)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.