1463089379-564510385

As polícias Militar e Civil da cidade de Balsas, no Sul do Estado, desencadearam uma operação para identificar e prender a quadrilha que praticou um “Sapatinho”, crime no qual bandidos sequestram a família do funcionário do Banco do Brasil e o obrigaram a entregar dinheiro.

De acordo com a polícia, o gerente de serviços e a esposa passaram a noite passada em poder dos assaltantes e na partida da manhã o funcionário foi obrigado a ir ao banco de retirar todo o dinheiro que havia no cofre da agência. Os reféns só foram liberados depois que os bandidos já estavam com o dinheiro, cuja quantia não foi divulgada pelo banco.

O delegado regional de Balsas, Fagno Vieira disse que as investigações estão sendo realizadas, mas as informações obtidas até agora são poucas.

Os policiais analisam imagens de câmeras de monitoramento localizada no possível trajeto utilizado pelos criminosos e colhendo depoimento detestemunhas e aguardam a chegada de peritos do Instituto de Criminalística (Icrim) para fazer pericia nas instalações da casa do funcionário.

Outro caso

Os investigadores, também, trabalham para chegar aos bandidos que assaltaram uma agência dos Correios na cidade de Cedral, na baixada maranhense.

Os bandidos dispararam tiros na cidade, fizeram um bloqueio na porta do quartel da PM e explodiram um cofre da agencia que foi parar no meio da rua.

Testemunhas informaram que os bandidos estavam fortemente armados e atiraram nos carros da polícia e usaram duas motos e um carro foram colocados na porta do quartel.

A Polícia Federal vai analisar as imagens das câmeras de segurança para tentar identificar os criminosos. (iMirante)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.