Sem título

Na manhã de sábado, 20, os pastores da 4ª área administrativa da CIADSETA foram recepcionados pelo anfitrião, pastor João Carmo Batista Moraes, líder da igreja Assembleia de Deus (AD), em Augustinópolis, para mais um encontro a fim de tratar diversos assuntos da área. Os pastores e demais obreiros se reuniram no próprio templo da igreja, no centro da cidade e as esposas se reuniram na congregação Monte Moriá, pertencente a igreja.

A reunião foi presidida pelo pastor José Ribamar Carvalho dos Santos, supervisor da área de nº 4 da Convenção Interestadual dos Ministros e Igrejas Assembleias de Deus, Ministério CIADSETA e a leitura bíblica oficial.

A ministração foi feita pelo pastor Raimundo de Ribamar Bogea, líder da AD em Buriti do Tocantins.

Vindo de Palmas, o pastor Adilton Cruz Coelho, diretor executivo do Seminário Teológico Adonai (SETA), pertencente a CIADSETA, falou sobre o trabalho que vem sendo desenvolvido pelo seminário na região através de sua extensão, com núcleo em Augustinópolis. O pastor Edilton falou quanto a realização do curso bacharel em teologia oferecido pelo SETA e a preocupação que os obreiros deva ter em fazer o curso superior em teologia.

Pastor Adilton enfatizou que quando o obreiro ler a Bíblia, um livro e quando estuda a lição da Escola Bíblica Dominical (EBD), ele está estudando teologia. O curso superior em teologia ampliará o leque do conhecimento bíblico contribuindo na preparação ministerial desse obreiro. “Neste mundo somos peregrinos, ou seja, estrangeiros, e se crermos realmente na Bíblia Sagrada, nós submeteremos a ela. E ela nos manda estudar e nos capacitar melhor para servir ao Senhor da Obra”. Finalizou Adilton.

Pastor Silvino Leitão da AD em São Miguel agradeceu em nome da área, ao pastor João Carmo, anfitrião, pela receptividade. De acordo com a agenda da área, o próximo encontro acontecerá no dia 22 de agosto na AD de Itaguatins. O encontro foi encerrado com um almoço. (ASCOM AD/ Deuramar Ribeiro Leite)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.