Em 10 dias, quatro mortes foram registradas, e uma pessoa está desaparecida, nos rios Balsas e Tocantins na região sul do Estado, principalmente no município de Balsas. A última vítima foi Alan Kardec da Silva Saldanha, de 25 anos.

O jovem foi encontrado no sábado (6) à noite, próximo à localidade Volta Grande, a 20 quilômetros da cidade.

Segundo o Corpo de Bombeiros, ainda, não é possível afirmar se a morte foi por afogamento ou se ele foi jogado no rio Balsas, já sem vida.

Na sexta-feira (5) o corpo de Pedro Pereira, de 72 anos, foi encontrado, também, no rio Balsas. De acordo com a família, o idoso estava desaparecido há cerca de cinco dias, antes de ser encontrado morto próximo à ponte de cimento.

Há duas semanas, no último sábado de maio (30), dois adolescentes, identificados como Fernando Leda e Guilherme Lemos, morreram afogados em um açude a 10 quilômetros da cidade de Balsas. Um deles teria tido câimbra enquanto estava nadando e o amigo tentou ajudar, resultado na morte dos dois.

Mesmo sem que o período de veraneio esteja oficialmente aberto, diversas pessoas já frequentam o rio, em Balsas. Nesse períodoo o lugar costuma receber cerca de cinco mil banhistas por fim de semana.

Os bomebiros alertam os moradores e cobram mais atenção às normas de segurança, para evitar tragédias.

Desaparecido

Em Estreito, o homem identificado como Renato Pereira da Mota está desaparecido desde a tarde desse domingo (7), depois de pular da ponte que passa sobre a rodovia BR-010.

Mergulhadores do 3º Grupamento do Corpo de Bombeiros (3ºGBM), com sede em Imperatriz, se deslocaram na manhã de hoje, a Estreito para ajudar nas buscas do corpo de Renato. (iMirante)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.