er2a9849

Os estudantes da Escola Estadual Romildo Veloso e Silva, em Ourilândia do Norte, sul do Pará, ocuparam o colégio com barracas nesta terça-feira (14). O movimento foi organizado em protesto conta a falta de professores e servidores na escola.

Segundo os alunos, a situação estrutural da escola está precária e é afetada principalmente quando chove, já que o forro estaria quebrado. Eles também denunciam que nbão servidores de limpeza e nem vigilantes noturnos há mais de um mês.

A unidade escolar tem aproximadamente mil alunos e atende a sede da cidade e a zona rural do município.

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) informou que já foi providenciada a substituição de professores e pessoal de apoio da escola. Esses novos profissionais já foram todos chamados para assinar contrato, que será providenciado em breve, segundo a secretaria.

Com relação à estrutura física da escola, a Seduc garantiu que técnicos da Secretaria Adjunta de Logística Escolar farão levantamento das demandas para definir uma programação de serviços de revitalização em caráter emergencial.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.