image (1)

Uma empresa foi contratada emergencialmente pela Prefeitura de Araguaína para realizar o transporte coletivo na cidade. O novo serviço de transporte deve começar a circular no próximo domingo, dia 19. Araguaína já está há mais de 20 dias sem o serviço.

O contrato foi firmado com empresa Passaredo, de São Paulo, para atender os usuários do transporte complementar. Conforme a Prefeitura, essa foi a empresa que ofereceu maior segurança de atender os requisitos pedidos pela Agência Municipal de Transporte e Trânsito (AMTT).

De acordo com o prefeito Ronaldo Dimas, inicialmente, serão 20 veículos que atenderão a cidade, posteriormente, se houver necessidade, a frota será aumentada para 30 veículos. Os carros têm a capacidade para 38 pessoas sentadas e pelo menos 30 em pé. A empresa vai assumir o transporte por seis meses.

Tarifa

Atualmente, segundo a AMTT, a média é de mais de nove mil passageiros por dia em Araguaína. E os valores da passagem passam a ser de $R 3,00 para usuário do bilhete eletrônico, R$ 3,25 em dinheiro e vale-transporte e R$ 1,62 para estudantes.

Caso

Araguaína está sem transporte público desde o último dia 21 de maio, que foi ocasionado devido vencimento de contrato com empresa que prestava o serviço há 40 anos no município. (Jornal do Tocantins)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.