A servidora da Fundação e Centro Universitário UnirG, Maria Helena Ferreira Cunha, foi encontrada morta dentro de um banheiro da instituição. Ela trabalhava na Unirg há 10 anos. O caso aconteceu nesta segunda-feira, 27, por volta das 20h30, no Campus I, no Setor Parque das Acácias, em Gurupi, Sul do Estado.

Conforme nota divulgada pela Unirg, segundo as informações da perícia técnica, Maria teve um infarto fulminante. Ainda conforme a nota, a mulher foi encontrada pela filha, que foi procurá-la na instituição, já que Maria ainda não havia retornado para casa.

Ainda conforme a nota, Maria era cardíaca, hipertensa e diabética. O corpo dela foi enviado ao Instituto Médico Legal (IML) para confirmar as causas da morte. Conforme a Secretaria da Segurança Pública (SSP), o laudo médico tem o prazo de até 15 dias para ficar pronto.

Na nota a Unirg disse que lamenta o ocorrido e presta solidariedade aos familiares e amigos. (Jorna do Tocantins)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.