Os servidores públicos de Parauapebas entraram no segundo dia de greve nesta quinta-feira (02). Eles estão concentrados em frente à sede da prefeitura e pedem o pagamento do retroativo do reajuste salarial acordado em abril com o governo municipal. Pelo menos dez escolas municipais no tiveram aula.

Segundo sindicado da categoria, 30% dos trabalhadores foram mantidos em atividade afim de não prejudicar serviços essenciais à população, como o atendimento à saúde. O sindicato espera sentar ainda hoje com o governo para discutir o acordo que teria sido descumprido pela prefeitura.

Em 1º de abril a prefeitura concedeu reajuste salarial de 11,27% aos servidores e também aumento o vale alimentação de 400 para 445 reais. No acordo, o pagamento do reajuste do retroativo a janeiro, seria feito em três parcelas. O sindicato disse que o primeiro pagamento deveria ter sido efeituado no mês passado, o que não aconteceu. A prefeitura informou que foi feito da primeira parcela do retroativo nesta quinta-feira e que tudo está acontecendo dentro da legalidade.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.