tinin
Advogado do Tocantinópolis apresentou recurso no TJD

O advogado do Tocantinópolis, Leontino Labres, entrou com recurso no Pleno do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) na tarde desta quarta-feira (1º), contra absolvição do Araguaína. O time foi julgado na segunda-feira (30), na Comissão Disciplinar do TJD, pela escalação irregular do lateral Gustavo, contra o TEC, na sexta rodada do estadual. O Araguaína foi absolvido por 3 a 2 votos.

– O tribunal não levou em consideração o artigo 214, que pune  jogador irregular, que consta em documentação apresentada pelo árbitro do jogo. O tribunal simplesmente rasgou o código disciplinar da Justiça Desportiva. Queremos que o pleno refaça o julgamento da segunda-feira. Queremos justiça. O novo julgamento deve acontecer na terça-feira (7) – afirmou Labres. Ele informou ainda, que caso não tenha êxito, o clube vai recorrer a Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

– Fomos absolvidos porque não existe irregularidade nesse caso. A situação é a seguinte, como se tratava de um jogo atrasado do estadual e o Gustavo estava punido, achávamos que ele poderia atuar naquela partida. Aí o jogador foi para o vestiário, assinou a súmula e aqueceu com os demais jogadores, porém, na dúvida não deixamos ele entrar  em campo. Gustavo ficou, inclusive, nas arquibancadas durante a partida. Ele assinou a súmula, mas não interferiu no resultado do jogo.

A partida entre Araguaína e Tocantinópolis será neste sábado (4), às 16h, no estádio Mirandão, com portões fechados. O duelo é válido pela última rodada do Tocantinense. O TEC é penúltimo na classificação com 13 pontos. O Tourão do Norte é o quinto, com 19 pontos e ainda briga por uma vaga nas semi. (Globo Esporte/Foto: Edson Reis)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.