Apenas parte dos servidores públicos da agência do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), em Araguatins, entraram em greve nesta terça-feira, 7. Parte dos serviços estão suspensos.

O ato é nacional e os servidores reivindicam melhoria nos salários, reposição salarial de acordo com a inflação, incorporação de gratificações, entre outros. A diretora de organização e política sindical do Sindicato dos Trabalhadores Federais em Saúde e Previdência de Goiás e Tocantins (Sintfesp-GO/TO), Terezinha de Jesus Aguiar, explicou que, até quinta-feira, 9, serão feitos apenas os atendimentos que foram agendados pelo telefone 135.

A diretora, que está em Brasília participando de uma reunião de debate da pauta de greve, disse que mais cidades do Tocantins devem aderir a greve nos próximos dias. “Muitas cidades demonstraram a intensão de participar da greve, aos poucos elas estão aderindo”, disse.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.