Sem títuloPraias de águas cristalinas, ilhas, bancos de areia e as belezas do Rio Araguaia, um dos maiores do Brasil, formam o cenário paradisíaco do município de Conceição do Araguaia, localizado a mais de mil quilômetros de distância de Belém. Entre os meses de julho de outubro, com a formação dos bancos de areia, a cidade recebe visitantes de todas as partes do País.

Cerca de vinte hotéis são cadastrados na cidade, com diárias que variam entre R$ 80,00 e R$ 240,00. Os pratos com peixe estão bem presentes na culinária local. Pelo valor de R$ 70 é possível saborear um tucunaré frito acompanhado de arroz e vinagrete, para duas pessoas. Irismar de Lurdes, do estado do Tocantis, visitou a cidade com a família e se disse renovada. “Esse contato com a natureza deixa a gente muito bem”, disse a turista.

Entre as vinte praias do município, a “Praia da Gaivota”, é a mais frequentada. A “Praia do Caldeirão” se destaca como a mais procurada por quem deseja acampar. “Na hora que sai daqui já está se programando para voltar de novo”, diz o aviador Álvaro Norato.

“Nada se compara à beleza do Araguaia. Quando a gente chega em um lugar como esse aqui é a mesma coisa que estar no paraíso”, afirma Ivair Teixeira, de Goiânia. Quem é da região, não troca a paisagem por nada. “Uma das melhores praias do Pará”, diz o professor Miguel Silderman.

Com o objetivo de preservar a natureza na região, os membros da associação “Amigos de Conceição” levam aos turistas orientações sobre a importância da preservação, além de distribuir lixeiras e contribuir para a limpeza das praias. “Se a gente não cuidar, manter o nosso rio vivo, nós teremos que se preocupar com o volume morto”, diz Olivério Alves, presidente da associação.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.