26386

Os deputados estaduais aprovaram por unanimidade, no início da noite desta quinta-feira, 2, o projeto de lei que institui o pagamento da data-base dos servidores. O acordo pôs fim à greve dos servidores do quadro geral que teve início no último dia 16. A proposta aprovada, que agora segue para sanção do governador Marcelo Miranda (PMDB), prevê o pagamento complementar em julho inclusão dos retroativos de maio e junho deste ano, sendo 4,17% para cada mês. O percentual de 4,17% referente ao mês de julho é incorporado na folha deste mês, deixando para outubro o adicional de 4,00033%. Os passivos financeiros seriam processados em parcelas mensais e iguais de janeiro a dezembro do próximo ano.

A decisão para acabar com a greve foi tomada em assembleia da categoria na tarde de hoje. Segundo presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Estado do Tocantins (Sisepe), Cleiton Pinheiro, o resultado da votação que definiu o fim da greve foi de 200 a favor e 189 contra. A orientação do sindicato é que s grevistas retomem as atividades de trabalho normalmente a partir de amanhã.

O projeto para o pagamento da data-base dos servidores foi costurado ontem pelos deputados estaduais. (Colaborou Aline Sêne e Valmir Araújo).

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.