Cinco homens suspeitos de envolvimento nos crimes de incêndio criminoso, homicídio e roubos, em Jacundá, sudeste do Pará, segundo balanço da Polícia Civil divulgado nesta segunda-feira (20). Dois dos presos foram detidos em flagrante apontados como autores de diversos roubos a pedestres. Os dois foram reconhecidos por uma das vítimas, o que possibilitou que fossem autuados em flagrante e estão recolhidos na carceragem da Delegacia à disposição da justiça. Os outros três acusados foram presos em decorrência de mandados de prisão preventiva decretados pela Justiça.

Homicídio

Um deles foi preso depois de ter morto a facadas Wellington dos Santos Campos. A motivação do crime ainda é investigada. Ele havia saído de madrugada com amigos para beber e foi visto, pela última vez, em uma motocicleta, ao lado da vítima. Wellington foi encontrado esfaqueado em via pública e transferido para o Hospital Regional de Tucuruí, onde faleceu. Após investigações, os policiais civis constataram que o suspeito seria o autor dos ferimentos.

Incêndio criminoso

O delegado Sérgio Máximo solicitou a preventiva do acusado que foi decretada pelo juiz Arielson Lima, titular da Comarca de Jacundá. Ainda, em Jacundá, um incêndio criminoso em um ônibus resultou nas prisões dos acusados do crime. Dois suspeitos foram identificados durante as investigações realizadas pela equipe de policiais civis e tiveram suas prisões solicitadas à Justiça pelo delegado Sérgio Máximo. Eles foram presos e estão recolhidos à disposição da justiça.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.