Mais de 49 mil proprietários de veículos do Tocantins, com placas de finais 5 e 6, podem ter seus nomes protestados caso não quitem o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) até esta quarta, 15, quando vence o prazo para pagar o  tributo, exercício de 2015, em cota única sem desconto. Além da possibilidade da inclusão do nome em lista de protesto, é certo que o não pagamento do IPVA, conforme o calendário, implica em juros e multas previstos na legislação.

Paralelo ao chamamento dos contribuintes com veículos placas finais 5 e 6, a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) também está sensibilizando todos os proprietários quanto à importância de manter o tributo em dia. “É importante para o Estado e municípios que têm no IPVA uma fonte de receita e para o próprio contribuinte que, no caso de inadimplência, fica com muitas restrições, tanto de crédito quanto administrativas”, ressaltou o diretor de Dívida Ativa da Sefaz, José de Ribamar Rocha Costa.

O alerta da Sefaz visa evitar problemas para os contribuintes em débito com a receita estadual. No geral, os débitos com o IPVA já somam cerca de R$ 40,5 milhões, resultados dos omissos dos exercícios de 2009 a 2014. Os débitos de 2015 somente serão acrescidos a esse valor no final do ano.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.