1469044561-936698576

Uma “denuncia” anônima levou os agentes da Superintendência Municipal da Defesa Civil a fechar um ponto de venda clandestina de combustível em Imperatriz. O local era uma casa no Povoado Lagoa Verde.

Durante a ação realizada nesta quarta-feira (20), os agentes liderados pelo superintendente Francisco das Chagas Silva (Chico Planalto), apreenderam 350 litros de gasolina distribuídos em 23 botijões.

A Superintendência mantém fiscalização sobre a venda de produtos como gás de cozinha, combustível, entre outros produtos de forma clandestina ou fora dos padrões exigidos pela legislação. (iMirante)

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.