A nova Unidade Integrada Pro Paz (UIPP) de Conceição do Araguaia: investimento superior a R$ 1,5 milhão para atender ao Sudeste do Pará
A nova Unidade Integrada Pro Paz (UIPP) de Conceição do Araguaia: investimento superior a R$ 1,5 milhão para atender ao Sudeste do Pará

O Governo do Estado inaugurou, neste sábado (23) a mais nova Unidade Integrada Pro Paz do Estado do Pará. Situada em Conceição do Araguaia, cidade com cerca de 50 mil habitantes, na região sudeste, a UIPP é resultado de um investimento superior a R$ 1,5 milhão, incluindo a construção do prédio (R$ 1,4 milhão) e também a aquisição de novos móveis (R$ 97 mil) e modernos equipamentos de informática (R$ 31 mil).

O novo prédio da UIPP conta com uma sala especial para mediação de conflitos, para atendimento social prestado à comunidade. No mesmo prédio também estarão sediados o Comando da Polícia Militar e a Delegacia de Conceição do Araguaia. A UIPP é a 52ª a ser inaugurada pelo Governo do Estado desde 2011.

Ações integradas

A inauguração reuniu dezenas de moradores do município e contou com a presença do vice-governador do Pará, José da Cruz Marinho, além do secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, Jeannot Jansen, e do delegado-geral da Polícia Civil, Rilmar Firmino de Sousa. Também estiveram presentes policiais civis e militares da região do Araguaia e do município, bem como representantes do Ministério Público e do Poder Judiciário, além de membros de associações comunitárias e de grupos religiosos.

O vice-governador Zequinha Marinho (centro) e o secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, Jeannot Jansen (esq.), inauguraram a UIPP.
O vice-governador Zequinha Marinho (centro) e o secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, Jeannot Jansen (esq.), inauguraram a UIPP.

“As unidades policiais de Conceição do Araguaia passarão a atuar neste prédio e, assim, todos os sistemas de monitoramento também estarão em funcionamento aqui. Além disso, suas instalações modernas possibilitam um melhor atendimento às pessoas que procuram pelos serviços policiais”, detalhou o secretário Jeannot Jansen, reforçando que, na UIPP, a atuação das Polícia Civil e Polícia Militar se dará de forma integrada.

Jeannot Jansen destacou ainda o serviço de mediação de conflitos, que auxilia o trabalho desempenhado pelas forças policiais: “É uma forma de dar um atendimento a casos que chegam à delegacia e que podem ser resolvidos de forma amigável. Isso alivia o trabalho policial e satisfaz ainda mais à população”.

Agenda mínima

Para o vice-governador do Estado, a nova Unidade Integrada Pro Paz dá melhores condições de trabalho aos servidores públicos da segurança pública e também possibilita atendimento mais digno à população, uma vez que diversos serviços públicos estão agora instalados em um único prédio. Ele ressaltou que a agenda mínima do Governo do Estado prevê a construção de 80 Unidades Integradas Pro Paz em todo o Pará. “Já temos 52 construídas no Estado, desde 2011, e atualmente em torno de 20 estão com obras em andamento”, confirmou Zequinha Marinho.

O vice-governador destacou ainda os concursos públicos para a Polícia Civil e Polícia Militar, que estão inscrições em andamento e irão contratar mais de 2,7 mil novos servidores e policiais para reforçar a segurança pública em todo Estado.

Sede em Redenção

Na ocasião, o delegado-geral Rilmar Firmino ressaltou que já há projeto para construção da sede da 13ª Região Integrada de Segurança Pública (RISP) do Araguaia, em Redenção, cidade-polo da região.

A unidade policial terá a mesma estrutura do prédio da RISP de Capanema, inaugurada no início do deste mês. Para tanto, explica Firmino, já foi formalizada a doação de um terreno, em Redenção, para construção da nova unidade policial. “O projeto arquitetônico do prédio já está pronto e em breve começaremos a construção dessa nova unidade integrada de polícia em Redenção, na qual irão atuar de forma integrada as polícias civil e militar”, destacou o delegado-geral.

A 13ª RISP, sediada em Redenção, abrange as cidades situadas na Região do Araguaia Paraense: Redenção, Conceição do Araguaia, Floresta do Araguaia, Pau D’Arco, Santa Maria das Barreiras e Santana do Araguaia.

Atendimento

“A nova estrutura física dada às polícias da cidade vai possibilitar um melhor serviço público à comunidade”, afirma José Carlos Pandovan, morador de Conceição do Araguaia e integrante do grupo da Pastoral Carcerária do município. Para ele, a nova UIPP vem em ótimo momento, uma vez que Conceição do Araguaia já vinha precisando de uma melhor estrutura no serviço policial.

Com colabores da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, a Pastoral Carcerária realiza um trabalho de resgate religioso dos presos de Justiça que se encontram recolhidos nas unidades policiais da região do Araguaia Paraense.

Para o delegado Ricard Ribeiro, titular da UIPP de Conceição do Araguaia, o novo prédio de Polícia do município representa uma visão de modernidade no atendimento prestado pelas polícias no Estado do Pará. Além da sala de Mediação de Conflitos e do Pro Paz, a nova UIPP também conta com depósito para guarda de objetos apreendidos à disposição da Justiça – como drogas e armas.

O prédio também possui cela específica para presos temporários, que ficam recolhidos apenas enquanto procedimento policial de flagrante é realizado, além de salas de reconhecimento de suspeitos de crimes e para reunião de investigadores, sala de delegados, alojamentos, banheiro adaptado para deficientes físicos e copa e cozinha. (Walrimar Santos)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.