O Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-Pa) vai decidir quem deve assumir a Prefeitura de Marabá, município do sudeste do Pará. Nesta quarta-feira (20) o vice-prefeito Luiz Carlos Pires, que ocupava o cargo de forma interina, pediu licenciamento por cinco dias para passar por um tratamento de saúde e o município está sem gestor.

Luiz Carlos assumiu em maio, após o prefeito Salame Neto ser afastado por 180 dias por improbidade administrativa. O presidente e o vice da Câmara Municipal, próximos nomes da linha sucessória após o vice-prefeito, não podem assumir porque tentam a reeleição, assim como o primeiro e o segundo secretários da Câmara.
Durante a manhã, a diretoria da Câmara Municipal esteve reunida para elaborar um documento e comunicar à Juíza Maria Aldedeci de Souza Pissolati que ela seria a próxima na linha sucessória, mas a Juíza não aceitou o cargo e submeteu a decisão ao TRE-PA

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.