rocha mirandaDecisões do Tribunal de Contas do Tocantins (TCE), publicadas no Boletim Oficial Nº 1462, de quarta-feira, 26, reprovaram as contas o ex-prefeito, Rocha Miranda (PMDB), atual deputado estadual, durante sua administração no ano de 2012 na Prefeitura de Araguatins.

Segundo o TCE, Rocha Miranda praticou ineficiência do controle interno, inconsistências contábeis no decorrer do exercício, inoperância do conselho do FUNDEB, renúncia de receitas e ineficiência dos mecanismos de controle interno, de almoxarifado e patrimonial.

Além de ter as contas julgadas irregulares, o TCE imputou débito no valor de R$ 65.521,47, ao deputado e multa no valor total de R$ 28.652,15.

Também foi aplicado multa de R$ 1.000,00 ao então responsável pelo Controle Interno, Cristiano Teixeira Lima, e de R$ 1.500,00 a contadora responsável à época, Valéria Rocha Ferreira.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.