Duas escolas do Bico do Papagaio estão entre as dez com as piores médias no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) do país, em 2014, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (5) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Foram divulgadas as médias dos alunos de 15.640 escolas nas quatro provas objetivas (ciências da natureza, ciências humanas, linguagens e matemática) e na redação.

Em oitavo lugar no ranking nacional está a Escola Estadual Pedro Ludovico Teixeira, em Maurilândia do Tocantins, que teve o pior desempenho no estado, com 423,29 pontos de média na prova objetiva e 277,89 na redação. No ranking geral, o colégio aparece na posição 15.633. A escola tem 303 alunos do 6º ano do ensino fundamental ao 3º ano do médio, e o nível socioeconômico deles é considerado como ‘médio baixo’.

Já a Escola Estadual Ministro Ney Braga, em Buriti do Tocantins, ocupa o décimo lugar entre as piores médias, com 424,65 na prova objetiva e 253,33 na redação. O nível socioeconômico dos estudantes, segundo o levantamento, é ‘baixo’. No ranking geral ela aparece na posição 15.631.

No colégio Pedro Ludovico Teixeira, a pior média foi na redação, com 277,89, e a melhor em ciências humanas, com 458,37. Na escola Ministro Ney Braga, a pior nota foi na redação, com 253,33, e a melhor e em ciências humanas, com 449,43.

Ranking das 10 piores médias do país nas provas objetivas do Enem 2014

1º) Esc. Dr. Augusto Monteiro – Rio Branco (AC) – média 408,47;
2º) Esc. Est. João Ferreira da Fonseca – Borba (AM) – média 418,92;
3º) Esc. Est. Prof. Antônia Silva Santos – Mazagão (AP) – média 420,66;
4º) Esc. Est. Apolinária Jales –  Messias Targino (RN) – média 420,71;
5º) Esc. Est. Tessalônica – Macapá (AP) – média 421,19;
6º) Colégio Estadual José de Anchieta – Ibipeba (BA) –  média 422,85;
7º) Colégio Professora Leda Tajra (Anexo Jucara) – Buriti Bravo (MA) – média 423,16;
8º) Escola Estadual Pedro Ludovico Teixeira – Maurilânida do Tocantins – média 423,29;
9º) Colégio Estadual Euripedes Barsanulfo – Palmelo (GO) – média 423,63;
10º) Escola Estadual Ministro Ney Braga – Buriti do Tocantins – média 424,65.

Ranking das 10 piores médias do Tocantins nas provas objetivas do Enem 2014

1º) Escola Estadual Pedro Ludovico Teixeira – Maurilânida do Tocantins – média 423,29;
2º) Escola Estadual Ministro Ney Braga – Buriti do Tocantins – média 424,65;
3º) Colégio Est. Batista Professora Beatriz Rodrigues da Silva – Tocantínia – média 431,40;
4º) Escola Estadual São Tomás de Aquino – Tupiratins – média 434,00;
5º) Escola Estadual Alfredo Nasser – Bom Jesus do Tocantins – média 434,25;
6º) Colégio Estadual Nossa Senhora Aparecida – Sandolândia – média 434,76;
7º) Escola Estadual Sagrado Coração de Jesus – São Felix do Tocantins – média 435,04;
8º) Escola Estadual São Pedro – Araguaína – média 435,90;
9º) Colégio Estadual Francisca Alves de Alencar – Itaporã do Tocantins – média 436,01;
10º) Colégio Estadual Dr. Valdecy Pinheiro – Rio dos Bois – média 436,35.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.