imageO aparelho de radioterapia do Instituto Oncológico Ltda., em funcionamento desde junho na Unidade de Alta Complexidade do Hospital Regional de Araguaína (Unacom/HRA), de responsabilidade do Governo do Estado, foi interditado, na manhã desta quinta-feira, 13, pela Vigilância Sanitária Estadual. O aparelho estaria com pendências relacionadas ao processo de importação.

Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) informou que a empresa foi notificada para apresentar a documentação e admitiu que a interdição visa a segurança dos pacientes. A Sesau informou ainda que o Instituto Oncológico Ltda. deverá providenciar a continuidade de tratamento dos 80 pacientes que estavam realizando radioterapia na unidade.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.