Desde que assumiu a administração municipal, o prefeito Valber Saraiva (PSDC), mergulhou Ananás em sua pior crise de fornecimento de água tratada, oferecida pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE). Isso é o que dizem diversos moradores que sistematicamente vêm procurando o webjornal Folha do Bico para noticiar o fato.

Segundo a coletividade, o fornecimento de água é suspenso diariamente em diversos bairros da cidade, principalmente nos setores mais altos. Nesses locais, o fornecimento demora de 3 a 4 dias para chegar e quando chega é pela madrugada e de maneira fraca. Não sendo suficiente para atender normalmente os consumidores, que são obrigados a tentar fazer estoque do líquido.

“Nunca na história de Ananás, aconteceu uma crise dessa. Tivemos vários prefeitos incompetentes, mas igual esse agora é o pior de todos. Parece que vivemos no sertão do nordeste, onde falta tanta água”, disse uma dona de casa que pediu para não se identificar.

O estudante Reinaldo Silva conta que de um mês para cá, a situação em sua casa com sua família se tornou difícil. “Lá somos cinco irmãos, meu pai e mãe. Banhar se tornou um artigo de luxo. A água que conseguimos juntar é para beber e lavar as vasilhas que sujamos. Sinto até vergonha de dizer que uma cidade do porte de Ananás passa por isso”, afirmou.

Com a palavra o SAAE

Após alguns dias com dificuldades para realizar o abastecimento de água no município de Ananás, o SAAE por meio de sua equipe, contrata técnicos com experiência em sistema de abastecimento de água, inclusive que prestam serviços para outras empresas do setor, para que estes possam diagnosticar os problemas que inviabilizam um atendimento eficiente aos seus usuários, e que por meio deste levantamento técnico, detectaram-se quais seriam os reparos necessários.

O SAAE efetuou todas as manutenções, e para tanto, o sistema já encontra-se operando a todo vapor e o fornecimento será restabelecido integralmente em toda a cidade de forma gradativa.

Informa ainda que a equipe do SAAE, não tem medido esforços para que todos os problemas sejam sanados.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.