IMG-20150916-WA0326

Estudantes do Centro de Ensino Médio Professora Antonina Milhomem (CEMPAM), fizeram uma caminhada nesta quarta-feira, 16, e se reuniram com o diretor regional de ensino, Paulo Miranda, para discutir sobre o calendário escolar após o fim da greve dos professores na rede estadual.

O calendário de reposição aumentou o número de aulas e os horários não estariam afinados com o transporte escolar, que também leva alunos da rede municipal e não estaria aguardando o término total das aulas.

IMG-20150916-WA0312

A estudante Vanessa Pereira de Sousa, de 16 anos, confirmou que os alunos estariam perdendo a última aula por conta do transporte. “Estamos tendo quatro aulas de 1 hora e uma de 48 minutos. Isso está prejudicando os alunos da zona rural, que são obrigados a sairem mais cedo e acabam perdendo a última aula. Estamos preocupados, pois estamos perdendo conteúdo. O ônibus não quer esperar”, disse.

Paulon que recebeu e conversou diretamente com grupo, afirmou a nossa reportagem que a Diretoria de Ensino está conversando com os prefeitos para encontrar uma saída que resolva a situação. “Entendo o lado dos estudantes, a reivindicação é mais que justa. Daí, temos que também sentar e discutir o lado das Prefeituras e dos alunos da rede municipal”. Afirmou o diretor.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.