As instruções aliadas às aulas teóricas e práticas do curso de salvamento veicular tiveram início nesta terça-feira, 8. A formação, que antes era ofertada fora do Estado, está sendo realizada pela primeira vez aos bombeiros do Tocantins, por meio da Academia de Bombeiros.

O objetivo é capacitar cerca de 20 profissionais de diversas unidades dos bombeiros quanto às novas técnicas de desencarceramento de vítimas em acidentes de trânsito, uma das ocorrências mais frequentes na rotina do serviço operacional dos bombeiros militares.

A capacitação termina no próximo dia 18, durante o evento Protege, que tem em sua programação uma palestra de Salvamento Veicular. “Todos os cursos de formação dos bombeiros possuem, em sua grade curricular, matérias de salvamento veicular. Porém, este é o primeiro curso de especialização do Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins voltado para esta área. Hoje, temos uma grande demanda, uma vez que a BR-153 corta o Estado e é nesta via que acontecem os maiores acidentes com vítimas presas em ferragens”, explicou o comandante da Academia de Bombeiros, tenente Rafael Cruvinel.

Segurança, instrução, tática e técnicas de salvamento veicular estão entre as disciplinas ministradas. O cabo José Costa, da unidade dos bombeiros em Porto Nacional, que participa da formação, destacou a importância de aprender novas técnicas e táticas de salvamento veicular e lembrou o retorno do treinamento para a sociedade. “É fundamental conhecer novos equipamentos e novas técnicas para prestarmos um serviço com ainda mais qualidade para a população, aliando agilidade e segurança”, explicou.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.