img-20160912-wa0072

Foi preso neste final de semana em Dom Eliseu, no sudeste do Pará, Antônio Rangel Duarte Lima. Ele é acusado de ter participado do assalto a empresa Prosegur na semana passada em Marabá também no sudeste paraense. Ele foi preso em flagrante pela comitiva do delegado Anselmo Villela Matos, de Dom Eliseu por porte ilegal de armas, receptação e tráfico de drogas. A polícia encontrou com ele dois fuzis, uma pistola ponto 40, R$ 300 mil em dinheiro, 120 tabletes de maconha, 5 coletes à prova de balas, sendo um deles é da Polícia Civil de São Paulo.

img-20160912-wa0074

Antônio Range foi apresentado oficialmente na manhã desta segunda-feira (12) na Delegacia Geral de Polícia Civil em Belém. A 21ª Superintendência de Polícia Civil de Marabá vai pedir a prisão preventiva do acusado, pois há fortes indícios de que ele esteja envolvido no assalto que aconteceu a empresa de segurança e transporte de valores em Marabá. É o primeiro indício forte de um acusado envolvido diretamente no assalto no município.

A DRCO do Pará está mantendo contato com as Polícias Maranhão, Tocantins e São Paulo para apoio nas investigações.

img-20160912-wa0075

Na sexta-feira passada (9) a Polícia Militar prendeu um dos suspeitos de participar do assalto a empresa de transporte de seguros Prosegur em Marabá no dia 5. O homem conhecido como “Nêgo” e que não teve o nome divulgado pode ser um dos que deram suporte logístico aos assaltantes, ajudando nos barcos que empreenderam fuga pelo rio Tocantins. A informação foi confirmada pelo Tenente Carlos Alex Valino, do 4º Batalhão de Polícia Militar em Marabá. (Diário do Pará)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.