still0919_00000

A Polícia Civil divulgou novos detalhes das investigações do assalto à empresa de transporte de valores Prosegur, em Marabá, no sudeste do Pará. De acordo com as investigações, uma casa teria sido alugada próximo ao local para planejar detalhes da ação.

Segundo a PC, outras casas foram utilizadas pela quadrilha nos dias que antecederam o roubo. Os imóveis foram identificados, mas os endereços não divulgados.

O assalto à Prosegur aconteceu no dia 4 de setembro, quando uma quadrilha invadiu a empresa ed transporte de valores utilizando explosivos e armas. Eles renderam os vigilantes, levaram o dinheiro e no momento da fuga tocaram fogo em dois caminhões na ponte de dá acesso à BR-155.

Até o momento, três envolvidos foram presos. O restante do bando ainda é procurado pela polícia.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.