????????????????????????????????????

Atendendo a determinação do governador Marcelo Miranda, o secretário de estado da Saúde, Marcos Musafir, esteve pessoalmente nos hospitais regionais do Bico do Papagaio em Augustinópolis e Xambioá, acompanhado de equipe da Secretaria de Estado da Saúde, verificando a situação geral do novo modelo de governança e repassando orientações aos profissionais e gestores. Outro importante objetivo da visita, por ordem do governador, foi avaliar a execução dos serviços de alimentação, limpeza e lavanderia oferecidos aos pacientes internados nos hospitais.

As visitas aconteceram no sábado, 3 e acontecem por conta da publicação do Decreto N 5.495, por meio do qual o Estado assumiu temporariamente os serviços de alimentação, limpeza e lavanderia nos hospitais, requisitando administrativamente os equipamentos, materiais, utensílios e insumos que eram mantidos sob titularidade ou uso da empresa que até então era responsável pelos serviços.

“Dividimos equipes e visitamos simultaneamente nos hospitais do estado e a repercussão desta governança é positiva, padronizando orientações que foram levadas aos membros da direção e profissionais de saúde. Percebemos que temos muitas coisas a fazer, mas que muitos avanços também já ocorreram e o objetivo do governo é aproveitar essa oportunidade para redimensionar recursos humanos, cuidar bem da alimentação de cada paciente, dos acompanhantes bem como da higienização e rouparia. Nós tivemos a oportunidade de verificar situações que podemos rapidamente solucionar com a parceria dos diretores e nas quais todos unidos, com seriedade e transparência e foco no paciente, alcançaremos os resultados determinados no plano de saúde da secretaria”, disse o secretário Marcos Musafir.

O Decreto N° 5.495 por meio do qual o Estado assume temporariamente os serviços nos hospitais requisitando administrativamente os equipamentos, materiais, utensílios e insumos que eram mantidos sob titularidade ou uso da empresa que até então era responsável pela alimentação, limpeza e lavanderia tem validade de 30 dias podendo ser prorrogado por igual período. Enquanto isso, a Secretaria de Estado da Saúde já trabalha na licitação para contratação de empresas que assumam esses serviços nos hospitais públicos.

“A meta é que o edital de licitação seja publicado neste mês. Com a contratação feita de forma transparente e dentro da legalidade, a secretaria pretende restabelecer a normalidade destes serviços nas unidades, assim como determina o governador Marcelo Miranda”, reforçou o secretário.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.