1474718943-769575966

Dois integrantes de uma organização criminosa especializada em comercialização de droga na Região Tocantina, identificados como Raimundo Lima da Silva e Rafael Bezerra de Sousa, foram presos neste sábado, 24, na cidade de Imperatriz. Em poder deles, a polícia apreendeu um revólver calibre 38 e dois quilos de pasta de base de cocaína que poderia render em torno de R$ 50 mil.

O titular da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc), delegado Carlos Alessandro de Assis, informou que os criminosos foram presos em uma residência, localizada no bairro Nova Imperatriz, e realizada pelas equipes da Senarc e do Núcleo de Inteligência da Polícia Civil. Neste local, os policiais encontraram a droga e arma de fogo estava dentro do veículo de Rafael Bezerra.

Os dois detidos vão responder pelo crime de associação e tráfico de droga como ainda porte ilegal de arma de fogo. Carlos Alessandro de Assis também disse que a pasta base de cocaína não é vendida diretamente, pois, passa por um processo de mistura. “Esse produto apreendido caso passasse pelo processo de mistura poderia render até 20 quilos de cocaína”, declarou o delegado

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.