banco do brasil araguatins

Em assembleias na noite desta segunda-feira, 26, os bancários aceitaram a proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e decidiram encerrar a greve, que completará 21 dias.

Desde o dia 25 de setembro, os bancos apresentaram três propostas. A primeira previa reajuste de 5,5%, com abono de R$ 2.500. Na segunda oferta, feita dia 20, apresentaram correção de 7,5% aos salários, sem abono. Na quarta (21), houve proposta de reajuste de 8,75%, também sem abono.

A categoria recebeu aumento real de 20,07% no período entre 2004 e 2014. No ano passado, foram 2,02% acima da inflação.

É válido lembrar que voltam funcionar nesta terça-feira, 27, o Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e demais bancos privados, porém o Banco da Amazônia continuará de greve, uma vez que as negociações ainda continuam.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.