incra

Membros do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra (MST) invadiram a sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária no Tocantins (Incra) nesta terça-feira (27). Eles entraram no prédio, por volta das 6h, obrigadam os vigilantes a deixarem o local e impediram a entrada de servidores. Eles só saíram às 9h, após uma negociação.

A saída deles foi negociada após a chegada do superintendente do Incra. Ele prometeu se reunir com os representantes do movimento na tarde desta terça-feira. Após a saída, cerca de 50 família de vários lugares do estado, voltaram a se acampar em frente ao órgão.

O superintendente regional do Incra Tocantins, Edvaldo Soares, afirmou que uma reunião com os representantes do MST esta marcada para a próxima quinta-feira (29), às 15h. Segundo ele, já existem áreas já vistoriadas aguardando audiência pública para desapropriação.

Os integrantes estão em frente ao órgão desde o dia 13 deste mês. Pelo menos 180 pessoas armaram barracas no local. Eles pedem a reforma agrária. Os manifestantes chegaram em quatro ônibus, de quatro acampamentos de várias regiões do Tocantins.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.